domingo, 31 de maio de 2009

Diorge se diverte até com a reserva

Zagueiro Diorge e meia Luiz Américo, da Sercos
Nem todos tem a capacidade de alegrar ambientes e contagiar as pessoas. O zagueiro Diorge, que começou nos juniores do JEC (bicampeão estadual 1997/1998) é um destes animadores. Ele está revezando entre a reserva e algumas oportunidade em alguns jogos, mas isso não tira o seu otimismo. Consegue até fazer o compenetrado Luiz Américo sair do sério. Não tem tempo ruim para Diorge. É só aparecer algum com uma roupa um pouco diferente, um brinco mais brilhante ou com um sapato com brilho demais para ser motivo de alguma observação do zagueiro e que acaba em risos.

Read More......

Líder na bola e expulsões

Volante Izael, da Krona
Coincidencia ou simples situação de jogo que vem sendo repetida nas últimas tres partidas. Trata-se da forma como a Krona vem conseguindo as viradas em momentos difíceis da disputa da Primeirona - a Série A do futebol joinvilense. Na primeira rodada, foi o lateral-esquerdo Richard]t. Na segunda, o volante Izael. E agora, no domingo (31), foi o segundo volante Jefferson Maradona. Cada um deles foi expulso quando a Krona estava em desavantagem no placar. A virada nos dois primeiros jogos e o empate diante do Paraíba aconteceram depois das expulsões. O cartão vermelho acabou sendo aplicado corretamente, mas o técnico Jeferson Teco Fernandes não associa a este fato o motivo para chegar à vitória. Convenhamos, todos os times que ficam com um jogador a menos tenta mostrar disposição em dobro. E este detalhe a Krona tem de sobra.

Read More......

Técnico, o primeiro que sofre

Técnico Dema e preparador físico Marcelo
Tropeços no amadorismo tem a mesma resposta do profissional. O futebol é movido a resultados. Esta situação está enfrentando a Sercos na Primeirona joinvilense. Depois de tres rodadas e apenas um ponto, quem balança é o técnico Dema. Até já surgem comentários sobre o provável e possível substituto - Ilson Mala Kliztke, campeão pelo time do Costa e Silva na Segundona e Primeirona e que no ano passado foi para a Serrana e lá sobreviveu apenas até o final do primeiro turno. Caiu - ou saiu do alviverde por ter tropeçado na decisão do turno contra o América.

Read More......

Falta de gols causa estresse

Lu, atacante da Sercos
Sercos não consegue engatilhar a arma que tem. O poder de foto está no grupo que o técnico Dema à disposição. Mas os resultados não aparecem. Em tres jogos conseguiu apenas um ponto - e com gol de penalti já nos acréscimos contra o Juventus. A falta de gols também incomoda os atacantes, como é o caso de Lu. Na rodada anterior, quando o time saiuu na frente e permitiu a reação para a vitória da Krona por 4 a 2 de virada, Lu saiu no intervalo do primeiro tempo com os nervos à flor da pela. A explicação: "Estou estressado!"

Read More......

Garuva exporta talentos

Volante Marcelo Garuva e o zagueiro Renato
Volante Marcelo Garuva - cria das categorias de base do JEC - já experimentou a vida de atleta profissional. Saiu dos juniores do Joinville (capitão do time campeão estadual em 1997) para o extinto Atlético Alto Vale (Rio do Sul). Na volta, foi buscar refúgio na cidade natal - Garuva - e agora está no amador, onde defende pelo quarto ano seguido o Pirabeiraba. Em toda sua trajetória, Marcelo sempre é identificado pela cidade de origem. A mesma situação passada o atacante Ricardo Garuva, outra revelação dos juniores do JEC.

Read More......

Goleiros do lado de fora de campo

Técnico Osnildo Chorão Tavares, do Pirabeiraba
Comissão técnica do Pirabeiraba na Série A joinvilense tem uma característica particular. O técnico Osnildo Chorão Tavares e o auxiliar Toninho foram goleiros em seus aureos tempos de atleta. E por sinal defenderam, entre outras agremiações, o próprio time rubro e dos peixinhos (símbolo que está no escudo do clube) do distrito de Pirabeiraba. No lado da Serrana, a posição em que atuava a maioria dos integrantes da comissão técnica era a lateral-direita - o técnico Manoel Carneiro, o diretor Sérgio Pieper e até o massagista Mário.

Read More......

Conversando que a gente se entende

Presidentes Pedro Farias e Manoel Bambam Soares
Cartolas do futebol joinvilense não perdem a oportunidade e nem o lugar para troca de idéias. Presidentes Pedro Farias (Gremio Pirabeiraba) e Manoel Bambam Soares (Serrana) conversam durante o jogo América x Pirabeiraba. O assunto só não pode ser a tal redução de salários dos jogadores. Afinal, é um detalhe que sempre um dos clubes acaba roendo a corda e a inflação se instala no amadorismo.

Read More......

Cartola dos gramados

João Barbosa (esquerda), presidente do América

Clubes de futebol ficam reticentes em levar para a presidencia seus ex-jogadores. O América de Joinville fez esta esperiencia há muito tempo e não se encontra nesta lista. João Barbosa chegou ao comando rubro depois de participar do conselho deliberativo e conhecer os anseios dos associados. O futebol ficou parado nos primeiros anos da gestão de Barbosa e voltou depois de acertar detalhes que estavam pendentes. Agora, o futebol está segmentado de vez e não terá mais nenhuma rota alternativa.

Read More......

Olhar atento no adversário

Bu (Serrana), Maurinho (Juventus) e Mario Sierth (América)

Distribuição dos jogos do futebol amador de Joinville não serviu apenas para racionalizar a escala de arbitragem. Com a rodada iniciando no sábado à tarde e ainda com jogos nos domingos pela manhã, ficou mais fácil para torcidas e dirigentes de outras agremiações acompanhar os adversários. No sábado (30), América e Pirabeiraba reuniu uma plateia diversificada, principalmente por integrantes de comissões técnicas de outros clubes. Mauro Carvalho, do Juventus, viu tudo e tirou suas conclusões para os próximos confrontos.

Read More......

Área nobre para torcer

Torcida tem sombra e água fresca no Estádio Ouro Verde
Público que prestigia os jogos no Ouro Verde (Estrada dos Portugueses, no bairro Vila Nova), quase exclusivo de torcedores do Gremio Krona, tem um local fantástico para oxigenar os pulmões. Uma árvore frondosa abriga as torcidas - em sua maioria formadas por familiares. A sequencia de gritos só pode resultar numa rouquidão, mas os pulmões não ficarão sem oxigenio. Afinal, o estádio está encrostado num verdadeiro cinturão verde.

Read More......

Liderança em campo

Adriano Ramos, da Krona, no cabeceio
Liderança do Gremio Krona na Série A joinvilense não é por acaso. O grupo do técnico Jeferson Teco Fernandes, apesar de reduzido em relação ao time vice-campeão de 2008, começa a mostrar suas principais características. Um dos responsáveis pelo volume de jogo apresentado é o experiente Adriano Ramos. Jogador aplicado, o meia puxa as jogadas e traz uma variação de lances para escapar das armadilhas do adversário.

Read More......

Basquete no citadino

CITADINO DE BASQUETE MASCULINO DA LIGA NORTE DE BASQUETE
QUARTA RODADA
Domingo (31)
Local: Ginásio Abel Schulz
Dinamo's/Digital Door 55 x 64 Avell/Notebook Century/Ginástico
Our Team/Niospe/SER Campeã 35 x 87 Blackstar/Sacada Imóveis/CNA
NWA 15 x 108 Blackstar/Decore
Sociesc 42 x 95 VO2 Marketing
Folgaram nesta rodada as equipes da AD Social, Wifer/Menegotti/Bom Jesus Jaraguá e Segalas/Blumenau

Read More......

Reforço de qualidade

Rafael Couto trocou Camboriú para jogar na Krona

Rafael Couto, só precisando de mais ritmo de jogo, entra como uma luva no meio de campo da Krona. Entrou no jogo de domingo (31) meio acanhado, mas foi apenas nos primeiros minutos. No segundo tempo começou a ganhar confiança e ajudou o ataque em várias finalizações. Ele já atuou em clubes profissionais e passa a ser mais um jogador de qualidade e jovem no futebol amador de Joinville. Atrações não faltam à Primeirona - que vale pela Série A joinvilense.

Read More......

Chiquinho cresceu

Jackson Ramos, Francisco Marciano de Souza e Silvio Elias
Baixa estatura de Francisco Marciano de Souza nem foi notada no sábado (30) ao apitar América x Pirabeiraba. O que prevaleceu foi um atuação segura, soberba e que não interferiu no resultado e muito menos favoreceu nenhum dos dois times. Revelação de 2007 e apontado como um dos destaques do ano passado, Chiquinho corrigiu alguns detalhes de suas últimas atuações. O resultado foi um jogo sem que nenhum jogador reclamando das marcações. Uma boa atuação que deve servir de paramatro para Chiquinho conseguir manter uma média durante a temporada.

Read More......

Só reclamações ou veto?

Pedro Quadros, Joel Pereira e Claudio Manoel Franscisco

Reclamações da arbitragem são comuns no ambiente do futebol. Mas desde que a Liga Joinvilense de Futebol, através do diretor de árbitros Luis Henrique da Silva, deixou a brecha para os clubes sugerir por escrito que não gostariam de ver determinados árbitros em seus jogos. É veto ou uma reclamação. Foi isso que a Krona sugeriu, mas voltou atrás ao ver a indicação de Joel Pereira para atuar em seu jogo pela terceira rodada do turno. E ficou com uma posição ainda mais contrária depois do jogo. A passividade nas marcações, os critérios dos cartões amarelos e um penalti não marcado a seu favor (jogada com Adriano Ramos, no segundo tempo) são os motivos para a reclamação, ou seria veto?

Read More......

Quadro das jogadas

John Wagner e o quadro do jogo

John Wagner, treinador do Paraíba, tenta durante os jogos do Paraíba na Série A joinvilense recuperar que não tem durante a semana. Os jogadores se encontram em sua maioria nos dias de jogos e poucos participam dos treinos táticos durante a semana. A alternativa então é utilizar um quadro para explicar as variações táticas que devem acontecer durante o jogo. Neste domingo (31), no empate com a Krona por 2 a 2, acabou dando certo para o time garantir o primeiro ponto depois de duas derrotas.

Read More......

Estreia contra o irmão

Betinho, estreante na zaga da Krona

Heriberto Nunes, o Betinho, é bem conhecido no futebol joinvilense mesmo depois de ficar algumas temporadas de fora e praticamente encerrando a carreira. Pela falta de zagueiros, a Krona requisitou o jogador que fez história com as conquistas na Tupy e América, e vinha mantendo a forma disputando competições varzeanas. Neste domingo (31), Betinho voltou e teve pela frente logo o irmão Silvio, goleiro do Paraíba. E logo a 50 segundos dominou a bola e fez um passe errado que caiu nos pés do adversário para o Paraíba sair na frente no placar. Passado o nervosismo da estreia, o experiente Betinho conseguiu dar o ritmo para a zaga do tricolor e firmar-se como titular e resolver a carencia do setor.

Read More......

Família de mãos no esporte

Avo Gerson, filho Gefferson e o Neto Antoni Gabriel
Família Fock tem uma sintonia com o futebol e especialmente com a posição de goleiro. Esta relação ocorre com as últimas tres gerações e terá sequencia no futuro? Tudo começou com Osni, goleiro do Juventus do Iririú e depois na Tupy, mas conseguiu a consagração como treinador de futsal. Daí para frente veio Gerson, desde que começou nas categorias de base do JEC e chegou ao futebol profissional no Juventus de Jaraguá do Sul. A saga continua no momento com Gefferson, que começou no Projeto Jovem Cidadão, foi para o JEC e só saiu por falta de oportunidades. Ele começou a temporada no Marcílio Dias, mas voltou para o amador de Joinville para defender mais uma vez a Krona. Junto chegou Antoni Gabriel. Aos quatro meses, Antoni Gabriel não pode definir o esporte que deverá seguir no futuro, mas deve ser praticado com as mãos - goleiro igual ao pai ou o basquete da mãe Michele Magrinha.
ANTES DO GOL
O atual goleiro do Krona, Gerferson Fock, iniciou suas atividades no infantil do Avaí Esporte Clube do bairro Vila Nova em 2000 e no ano de 2001 - junto com a equipe avaiana e jogando de lateral-esquerdo, foi campeão infantil da LJF, quando a equipe sob o comando do Amilton Pitanga, venceu a equipe do JEC em pleno Ernestão no dia 23 de dezembro de 2001 - por 5 a 2. Somente após isto, iniciou como jogador na posição de goleiro.

Read More......

Empate garante liderança isolada

Krona e Paraíba em jogo equilibrado neste domingo
Krona e Paraíba realizaram um jogo equilibrado neste domingo (31) no Ouro Verde, bairro Vila Nova, em Joinville. O empate por 2 a 2 garantiu a liderança isolada ao tricolor Krona - duas vitórias e o primeiro empate na Primeirona - que vale pela Série A do futebol joinvilense. Já o time do bairro Jardim Iririú conseguiu o seu primeiro ponto depois de duas derrotas.
A tarde de domingo (31) teve outro jogo com empate - Sercos e Juventus - 1 a 1. A terceira rodada teve início no sábado (30) com o empate entre América e Pirabeiraba (1 a 1). As únicas vitórias foram registradas na programação matinal deste domingo (31): Minerasil 1 x 5 Tupy e Sercos 1 x 2 J. Junckes.
KRONA: Gefferson Fock; João Paulo, Betinho, Marcinho e Adriano Cascavel (Richardt); Evandro, Rafael Couto (Regi), Jefferson Maradona e Adriano Ramos; Ricardo Camboriú e Ricardo Garuva (Tatu). Técnico: Jeferson Teco Fernandes.
PARAÍBA: Silvio; Everton (Jaisson), Thales, Maninho e Emílson (Edcarlos); Joel Cabeça, Leandro, Juliano e Alex (Felipe); Elizer (Danilo) e Rogerinho (Tuche). Técnico: John Wagner.
ÁRBITRO: Joel Pereira. Assistentes: Claudio Manoel Francisco e Pedro Quadros.
CARTÃO AMARELO: Betinho, Evandro e Joel Cabeça.
CARTÃO VERMELHO: Jefferson Maradona.
LOCAL: Estádio Ouro Verde.

Read More......

Basquete joinvilense exemplar

Técnico joinvilense Bial
(Foto: Rogério Maciel/divulgação)
"Nossa equipe é exemplar, é modelo para o basquete brasileiro. Mesmo com um investimento menor do que o de outros times, revelamos Manteiguinha para a Copa América, o Jefferson voltou a jogar basquete, temos o Shilton, o maior reboteiro da competição, e a torcida de Joinville, apaixonada pelo basquete”, comemora o técnico Alberto Bial. Foi o segundo ano consecutivo que a equipe catarinense fica entre os quatro melhores do País.
A equipe retorna a Joinville na manhã deste domingo (30). A chegada no Ginásio Ivan Rodrigues está prevista para as 11 horas da manhã.
Resultados da semifinal
Terça-feira (26)
Ciser/Araldite/Univille/Joinville 86 x 88 Flamengo
Sexta-feira (29)
Flamengo 92 x 86 Ciser/Araldite/Univille/Joinville
Sábado (30)
Flamengo 109 x 94 Ciser/Araldite/Univille/Joinville - SporTV

Read More......

sábado, 30 de maio de 2009

Joinville fecha temporada vitoriosa

Jogadores joinvilenses cercam o flamenguista Marcelinho
Ciser/Araldite/Univille terminou a temporada 2009 do Novo Basquete Brasil ao perder o terceiro confronto da semifinal frente ao Flamengo. Neste sábado (30), no ginásio do Tijuca, no Rio de Janeiro, o rubro-negro venceu a terceira partida da série - com o placar mais dilatado - 109 a 94. O time carioca vai à final e espera o seu adversário no confronto entre Minas e Universo.
Mesmo com uma produção muito baixa, abatido pela sequencia de jogos, os joinvilenses saíram de cabeça erguida pela retrospectiva de toda temporada. A vaga para a final escapou pelo segundo seguido e perdendo nas semifinais mais uma vez para o Flamengo.
O projeto do basquete de Joinville conseguiu ganhar espaço no Novo Basquete Brasil. E precisa de alguns retoques - incluindo reforços para a equipe ter mais opções na quadra e igualmente de patrocínios e apoios no aspecto financeiro.
No lado rubro-negro, mesmo com salários atrasados, incertezas, dificuldades para encontrar um ginásio, o Flamengo deixou tudo isso de lado ao longo da temporada. E neste sábado (30), confirmou seu favoritismo e se garantiu na final do Novo Basquete Brasil. Pelo terceiro jogo seguido oubro-negro carioca venceu o representante de Joinville com facilidade por 109 a 94, encerrou a série das semifinais em 3 a 0 e vai buscar, pelo segundo ano consecutivo, o título de melhor time do país.

Read More......

Malwee derruba Krona na prorrogação

James, da Krona
Em um jogo digno de uma final, a Malwee Futsal se sagrou campeã do Zonal Sul do Campeonato Sul-americano de Clubes, ao empatar em 2 a 2 com a Krona/Joinville/DalPonte no tempo normal e vencer o adversário joinvillense na prorrogação pelo placar de 2 a 1, finalizando a contagem em 4 a 3.
O clube de Jaraguá do Sul agora irá enfrentar a equipe do Deportivo Táchira, da Venezuela, campeão do Zonal Norte da competição, em duas partidas, ou três, caso necessário, a serem realizadas em território venezuelano no final do mês de julho e início de agosto de 2009.
A primeira chance real de gol foi da Krona. Junai apertou a marcação sobre Falcão e fez com que o ala recuasse a bola para Tiago. Na sequência Junai apertou o goleiro e lhe tomou a bola, mas Tiago realizou a defesa com os pés, impedindo o gol joinvillense no confronto.
O goleiro Tiago continuava buscando os arremates em suas subidas e em seu terceiro chute, obrigou Baranha a realizar uma grande defesa. Baranha tentou o mesmo recurso do goleiro jaraguaense, mas na hora do chute foi travado por Ari, que tentou a finalização para o gol joinvillense, que estava vazio, mas errou a pontaria.
Nos minutos finais do primeiro tempo acabou saindo o tão esperado gol. E foi para a Krona. Guina, em jogada individual, passou pela marcação e chutou forte. Tiago, em defesa espetacular, rebateu, mas o próprio Guina pegou o rebote batendo com violência e marcando o tento joinvillense.
O gol assustou um pouco a Malwee que acabou errando nas saídas de bola. E a Krona soube se aproveitar disso, pressionando no ataque e chegando ao seu segundo gol. André Santos fez boa jogada pela direita, passando pelo marcador e cruzando na medida para o chute de Frede.
Na segunda etapa a Malwee voltou disposta a conseguir seu gol, mas o goleiro Baranha, bastante inspirado, evitava que o objetivo jaraguaense se concretizasse, defendendo bem finalizações de Humberto, Falcão e Leco. Mas a Krona respondia e, em um contra ataque, Marcel exigiu grande defesa de Tiago.
A pressão dos donos da casa era grande, mas a Krona se defendia muito bem. Mas a Malwee insistia e, jogando com Cabreúva como goleiro-linha, acabou chegando ao primeiro gol, em chute do próprio Cabreúva, depois de grande jogada individual do ala do clube de Jaraguá do Sul.
Na pressão a Malwee chegou ao segundo gol logo na sequência. Cabreúva, mais uma vez, foi ao ataque e bateu cruzado. A bola desviou em um marcador e enganou Baranha, que não conseguiu a defesa. No final, as duas equipes se aguardaram, esperando o final da partida, que foi para a prorrogação.
Prorrogação
Logo no inicio da prorrogação a Malwee virou o jogo. Falcão passou a bola para Andrey, que se livrou da marcação e bateu de virada, vencendo Baranha. A partir daí a Krona passou a usar James como goleiro-linha, mas a vitória se manteve até o intervalo. Na segunda etapa da prorrogação Tiago fez grande defesa em chute de Junai, logo no início.
Mas em um belo lançamento do goleiro Tiago, a bola chegou até Falcão de dominou, virou e bateu sem chances de defesa para o goleiro Baranha. A Krona diminuiu quando James tentou o chute e Murilo desviou para o fundo das redes. Até o final os joinvillenses buscaram o empate, mas a vitória permaneceu com a Malwee.

Read More......

Comentarista de coração curado

Fábio Dalonso (casaco vermelho)
Presidente da Camara de Vereadores de Joinville até o final do ano pasado, mas desportista sem prazo de validade, Fabio Dalonso deu um susto ao sofrer um infarto há pouco mais de um mes. Neste sábado (30) voltou ao circuito do futebol para comentar o jogo América x Pirabeiraba para a TV Brasil Esperança. É uma área que conhece como poucos. Afinal, foi jogador e artilheiro do Pirabeiraba. O seu início foi nas categorias de base do JEC e agora mostra seu talento à frente do microfone.

Read More......

Em ritmo de profisionais

César (à direita), do Pirabeiraba
Cada ano que passa, o futebol joinvilense ganha mais qualidade. A mudança é em função da presença cada vez mais acentuada de jogadores profissionais. Os exemplos também desfilaram no jogo deste sábdo (30) no empate entre América e Pirabeiraba por 1 a 1. Justamente os autores dos gols no Estádio Sadalla Amin Ghanem são os novos protagonistas desta história. Pelo lado do América, o zagueiro Tiago, aos 24 anos, tem experiencia internacional com tres temporadas na Espanha e outras duas no Irã. O meia César, 26 anos, já desfilou seu talento em diversos estados, incluindo uma atuação no ano passado no Juventus de Jaraguá do Sul. O que poderia levar estes jovens a trocar o profissionalismo pelo amador. Mesmo sendo um campeonato amador, a Primeirona joinvilense tem orçamento que poucos clubes do profissionalismo não tem.

Read More......

Empate no Estádio Olímpico

América (uniforme vermelho) e Pirabeiraba no jogo deste sábdo

América e Pirabeiraba continuam invictos na Primeirona - a Série A do futebol joinvilense - depois do empate por 1 a 1 neste sábdo (30), no Estádio Olímpico Sadalla Amin Ghanem. A igualdade no placar não representa que os dois times estão na ponta da tabela. O vencedor poderia dormir na liderança em função que o Gremio Krona só jogo na tarde deste domingo (31), no Ouro Verde, contra o Paraíba.
O time rubro americano saiu na frente, com gol no primeiro tempo através do zagueiro Tiago. E foi nesta fase que o time do técnico Toninho Gambeta dominou e deu o ritmo da partida. Na fase complementar, quando o técnico Osnildo Chorão Tavares começou com duas mudanças - no meio de campo e no ataque - o domínio pasou para o lado do Pirabeiraba.
AMÉRICA: Marcão; Mineiro (Cascavel), Rodrigo, Tiago (Cajarana) e Márcio; Branco, Alcir (Joelson), André e Bruno; Moisés (Ronaldinho) e Boca (Índio). Técnico: Toninho Gambeta.
PIRABEIRABA: Fernando; Anderson, Renato, Roni e Márcio Diogo (Anderson Guber); Marcelo Garuva, Felipe (Erick), César e Luciano (Lukinha); Joãozinho (Kiko) e Duca. Técnico: Osnildo chorão Tavares.
ÁRBITRO: Francisco Marciano de Souza. Assistentes: Jackson Ramos e Silvio Elias. Delegado: Rogério Nunes Duarte.
GOLS: Tiago (26 minutos) do primeiro tempo; César (14 minutos) do segundo tempo.
CARTÃO AMARELO: Márcio, Alcir, Bruno, Boca, Darlei, Luciano e Lukinha.
LOCAL: Estádio Sadalla Amin Ghanem.

Read More......

Joinville em desvantagem

Confrontos da fase se classificação
Turno
Flamengo 105 x 83 Ciser/Araldite/Univille/Joinville
Returno
Ciser/Araldite/Univille/Joinville 90 x 100 Flamengo
Calendário e resultados da semifinal
Terça-feira (26)
Ciser/Araldite/Univille/Joinville 86 x 88 Flamengo
Sexta-feira (29)
Flamengo 92 x 86 Ciser/Araldite/Univille/Joinville
Sábado (30)
21h30
Flamengo x Ciser/Araldite/Univille/Joinville - SporTV
Segunda-feira (1/6)
19 horas
Ciser/Araldite/Univille/Joinville x Flamengo - SporTV (se necessário)
Quinta-feira (4/6)
19 horas
Flamengo x Ciser/Araldite/Univille/Joinville (se necessário)

Read More......

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Joinville só tem mais uma chance

Jefferson Sobral saiu com cinco faltas

Em mais uma partida equilibrada, a Ciser/Araldite/Univille perdeu para o Flamengo na noite desta sexta-feira (29), no Rio de Janeiro, pelo segundo jogo da série melhor-de-cinco das semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB). Mesmo com o Tijuca Tenis Clube totalmente lotado de torcedores do rubro-negro, o Joinville voltou a jogar de igual para igual e por pouco não venceu. O placar final marcou 92 a 86 para o time da casa, atual campeão brasileiro. O ala Marcelinho foi o cestinha, novamente com 32 pontos. O armador Manteiguinha marcou 22 pontos do lado dos visitantes. Como também ganhou o primeiro confronto (88 a 86), terça-feira (26), em Joinville, o Flamengo abriu 2 a 0 na série. As equipes voltam a se enfrentar neste sábado, às 21h30 (com SporTV), no mesmo ginásio. Os catarinenses precisam vencer para provocar a quarta partida, segunda-feira (1º/6), em Joinville.
O Flamengo chegou a abrir 15 pontos de vantagem no primeiro quarto, mas o Joinville se recuperou e conseguiu diminuir a diferença para oito pontos: 28 a 20. No segundo, a vantagem do rubro-negro era de dez pontos (39 a 29) na metade do período, mas a Ciser/Araldite/Univille, numa reação incrível, virou o jogo. O time do técnico Alberto Bial venceu o quarto por 25 a 13 e foi para o intervalo quatro pontos à frente: 45 a 41 para os visitantes.
No terceiro quarto, as duas equipes se alternaram à frente do marcador. A 1min27s, a Ciser/Araldite/Univille perdeu o ala Jefferson Sobral, com cinco faltas. O Flamengo venceu o período por 28 a 14 e foi para o último com 10 pontos a mais: 69 a 59. Joinville continuou lutando pela vitória e chegou ao empate (89 a 89), com uma série de cestas de tres pontos.
No minuto final, os cariocas estavam um ponto à frente apenas (87 a 86). Os joinvilenses ganharam o quarto por 27 a 23, mas os donos da casa conseguiram segurar a vantagem e venceram o jogo por 92 a 86.
Para o técnico Alberto Bial, a Ciser/Araldite/Univille começou mal no jogo, mas "mostrou que é uma das grandes equipes do país" ao se recuperar e voltar a ameaçar a condição rubro-negra. "Agora, temos menos de 24 horas para nos recuperar e vamos fazer isso com a dedicação, o amor e a integridade de sempre."

Read More......

Gambier preve final equilibrada

Paulinho Gambier e Serginho, da Krona

Técnico da Krona Futsal, Paulinho Gambier espera um jogo bastante equilibrado na final do Sul-americano de Clubes. “Quando se trata de um clássico e de duas equipes talentosas, o equilíbrio prevalece. Tanto a Krona, quanto a Malwee mantiveram a base do ano passado e se conhecem bastante. Sairá vitorioso aquele que errar menos”, destacou o treinador.
Comemorando a classificação para a final, o ala Guina ressaltou a força de vontade da equipe. “Vencemos na persistencia pelo gol. A equipe jogou com segurança, raça e objetividade. O Paulinho pôde utilizar todos os jogadores relacionados para a partida e isto é fundamental na recuperação física dos atletas. Estamos crescendo a cada jogo e a final será outra batalha”, destacou o jogador.
Na grande decisão, a Krona Futsal irá enfrentar a Malwee Jaraguá, no maior clássico do futsal brasileiro. Desta vez, o encontro vale um título internacional. A final acontece neste sábado (30), às 19h30, na Arena Jaraguá e com transmissão ao vivo do canal SporTV.

Read More......

Krona goleira e vai à final sul-americana

Grupo reunido recebe orientação de Paulinho Gambier

Com uma atuação segura e quase sem cometer erros, a equipe da Krona/Joinville venceu de forma tranquila o Pablo Rojas, do Paraguai, pelo placar de 7 a 1, e é o primeiro finalista do Campeonato Sul-americano de Clubes, em seu Zonal Sul.
A partida, realizada na noite desta sexta-feira (29), em Jaraguá do Sul, foi a primeira das duas semifinais – no segundo jogo a Malwee Futsal enfrenta o campeão argentino, Pinocho. O campeão do Zonal Sul decidirá com o Deportivo Táchira, da Venezuela, campeão do Zonal Norte, quem é o Campeão Sul-americano de Clubes de 2008.
Com um ritmo muito acelerado, a Krona partiu para cima do adversário logo no início e, na pressão, conseguiu abrir o placar a um minuto de partida, em jogada individual e em boa finalização. Os paraguaios reagiram e em duas oportunidades por pouco não conseguiram o empate.
Mas a Krona era melhor e, mesmo tardando um pouco, chegou a mais um gol. Depois de uma excelente triangulação, em que participaram Serginho e Frede, a bola chegou até Marcel, depois de um cruzamento. O ala bateu bem, de forma seca, estufando as redes guaranis e não dando chance de defesas a Mancuello.
Até o final da primeira etapa a equipe joinvillense se manteve com a posse de bola, controlando as ações da partida e garantindo a vantagem até o intervalo de jogo. No segundo tempo o panorama não se modificou. Com total controle de jogo, a Krona fez o tempo passar, trocando passes.
Quando encontrava alguma brecha, os catarinenses tentavam o gol. Mas após uma roubada de bola no meio de quadra, os paraguaios conseguiram uma das poucas oportunidades de marcar que tiveram. E não a desperdiçaram. Román conduziu a pelota até a proximidade da área e bateu bem, sem chances para Baranha.
Mas os joinvillenses não se abateram com o gol e, com naturalidade, em uma jogada pela direita de ataque, Frede foi a linha de fundo e cruzou para boa finalização de Vini. Pouco depois, em jogada individual, Junai roubou a bola de um adversário, passou pelo goleiro e bateu forte, marcando o quarto tento no jogo.
O quinto gol veio logo depois e foi novamente marcado por Junai. No final, a Krona finalizou o placar com mais dois gols anotados por Márcio e Thales, que lhes garantiu a passagem para a grande final. Para o capitão do clube catarinense, André Santos, a partida foi desgastante, principalmente no primeiro tempo.
"Foi um jogo complicado, principalmente no primeiro tempo, quando tudo foi muito equilibrado. Mas na segunda etapa nosso clube se acertou e saímos vencedores. Venha qualquer equipe que vier na final, estaremos prontos para enfrentá-lo. Viemos para sairmos campeões e será isso que iremos buscar", disse o experiente fixo.

Read More......

Dominó vai para a praça em junho

Mauro Mariani é o paraninfo da competição

Campeonato de Dominó Cidade de Joinville - em sua primeira edição - está finalizando a fase de eliminatórias que iniciou dia 1º de maio e segue até domingo (31). Cerca de 60% das duplas já estão classificadas para a grande final do dia 20 de junho na Praça Nereu Ramos, centro da cidade, que vai acolher as 200 duplas classificadas em 100 bares distribuídos por todos os bairros de Joinville. O Congresso Técnico está marcado para o dia 4 de junho, às 19 horas, na Sociedade Cruzeiro Joinvilense, localizado na rua Dr. Sehrwald, 329, que fica ao lado da Pousada Stern, na rua Ottokar Doerffel, bairro Atiradores. Nesse dia é imprescindível a participação das duplas classificadas – pelo menos um da dupla – ou ainda proprietários ou responsáveis pelos bares e associações inscritos. No Congresso serão esclarecidas as regras finais e o sorteio de chaves, além da entrega de materiais a ser usados no dia da final.

Read More......

Caldeirão rubro

Culinária vai ganhar terreno no América Futebol Clube na semana que vem, mas neste sábado (30), é o futebol que entra em campo. O rubro recebe o Pirabeiraba, às 15 horas, pela terceira rodada do turno classificatório da Primeirona - que vale pela Série A joinvilense. O time do técnico Toninho Gambeta soma quatro pontos - uma vitória e um empate.

Read More......

quinta-feira, 28 de maio de 2009

André convoca a torcida

Fixo André, da Krona
Um dos líderes da Krona Futsal e acostumado com jogos internacionais, o fixo André espera contar com o apoio da torcida no jogo desta sexta-feira (29). “A torcida sempre foi um diferencial para equipe. Sabemos que muitos trabalham no horário do confronto, mas quem puder vir até Jaraguá e incentivar a Krona Futsal estará demonstrando um grande amor pelo clube. Nós atletas vamos nos concentrar e nos dedicar o máximo em quadra para conquistarmos esta vaga na decisão do Sul-americano”, comentou o jogador que serviu a seleção brasileira de futsal durante oito anos.

Read More......

Murilo desfalca a Krona

Vini e Murilo, da Krona

Suspenso pela expulsão no confronto contra o Coronel Escurra (Paraguai), o ala Murilo é o desfalque da equipe joinvilense na partida semifinal diante do Pablo Rojas (Paraguai). A Krona Futsal pode conquistar uma vaga inédita na final do torneio internacional, nesta sexta-feira (29), vencendo os paraguaios. A partida terá transmissão ao vivo do canal SporTV, a partir das 18 horas.

Read More......

Argentinos ficam em segundo

Pinocho, da Argentina, segundo na chave B
Pinocho, já classificado às semifinais depois da vitória da Krona/Joinville sobre o Coronel Escurra, do Paraguai, dependia de um triunfo de sete gols de diferença sobre o Peñarol para ficar com a primeira colocação da chave B do Campeonato Sul-americano de Clubes. Mas, jogando na noite desta quinta-feira (28), em Jaraguá do Sul, a equipe argentina venceu, porém não pela margem necessária, já que bateu o time uruguaio pelo placar de 4 a 3, jogando na Arena Jaraguá, e acabou ficando com a segunda colocação da chave B.
SEMIFINAIS
Sexta-feira (29)
18 horas
Krona x Pablo Rojas (Paraguai)
19h45
Malwee x Pinocho (Argentina)
DECISÃO
Sábado (30)
19h30

Read More......

Tem Bateria no sul-americano

Bateria e Guina, da Krona
Extremo-oeste - de onde saiu há dois anos para jogar em Joinville - o garoto Bateria estava bem mais perto da Argentina e Paraguai do que poderia imaginar. Mas quando a geografia deixa lugar para o esporte, a chance de um confronto com los hermanos só mesmo dentro da quadra. E foi isso que aconteceu nesta quinta-feira (28) na carreira de Bateria ao estrear numa competição internacional defendendo as cores da Krona Futsal. Foi atrevido como sempre e só não deixou a sua marca de artilheiro por puro nervosismo de estreante. Na hora de fulminar o goleiro Espinola, acabou tropeçando na hora errada.

Read More......

Todos contra ansiedade

Paulinho Gambier, Serginho, Tedão e James

Ansiedade não é apenas um estado de espírito que o time da Krona Futsal precisa superar nos jogos e que repete no Sul-americano de Clubes, em Jaraguá do Sul. É também um dos mais difíceis adversários que o time do técnico Paulinho Gambier tem pela frente nas últimas partidas. Nesta quinta-feira (28), na vitória contra o paraguaio Coronel Escurra, repetindo o que já havia acontecido na véspera no empate contra o argentino Pinocho, as jogadas simplesmente empacavam na entrada da área adversária. Além da falta de iniciativa, tentando evitar o erro, este procedimento ainda deu chance para os contra-ataques. Pivo Márcio, no final do jogo, foi enfático ao ser abordado pelo repórter Luiz Fossile: "Precisamos deixar de lado este medo e receio e deixar de tentar por achar que não vai dar certo. Vamos deixar de lado esta ansiedade e partir para as ações que possam criar chances e levar o time aos gols".

Read More......

Joinville busca vitória no Rio

Duda, um dos destaques do rubro-negro carioca

Ciser/Araldite/Univille já está no Rio de Janeiro. O time desembarcou no aeroporto do Galeão às 16h30 desta quinta-feira (28), com a missão de vencer pelo menos uma das duas partidas que faz contra o Flamengo pelas semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB). Depois da boa apresentação na abertura da série melhor-de-cinco, terça-feira, quando perdeu por apenas dois pontos (88 a 86), o Joinville viajou com a certeza de que é possível vencer o atual campeão brasileiro.
Catarinenses e cariocas voltam a se enfrentar nesta sexta-feira (29) e sábado (30). Os dois confrontos são no ginásio do Tijuca, às 21h30, com transmissão da SporTV. Os comandados de Alberto Bial precisam vencer pelo menos um para trazer o quarto jogo para Joinville, na próxima segunda-feira.
O pivo Shilton, capitão da equipe e reboteiro do NBB com média de 12,2 rebotes por partida, afirma que o time não vai se intimidar por jogar na casa dos rivais. "Independentemente do local, nossa equipe está preparada. Já mostramos que somos capazes de jogar de igual para igual com qualquer time”, destaca.
O técnico Alberto Bial também está confiante, afinal, lembra que o time trabalhou bastante para chegar até aqui. “Força não nos falta para tentar uma reação”, garante. O treinador comanda dois treinos no Tijuca: na sexta-feira (29) e no sábado (30), às 11 horas.
Confrontos da fase de classificação
Turno
Flamengo 105 x 83 Ciser/Araldite/Univille/Joinville
Returno
Ciser/Araldite/Univille/Joinville 90 x 100 Flamengo
Calendário e resultados da semifinal
Terça-feira (26/5)
Ciser/Araldite/Univille/Joinville 86 x 88 Flamengo - SporTV
Sexta-feira (29/5)
21h30 - Flamengo x Ciser/Araldite/Univille/Joinville - SporTV
Sábado (30/5)
21h30 - Flamengo x Ciser/Araldite/Univille/Joinville – SporTV2
Segunda-feira (1/6)
19 horas - Ciser/Araldite/Univille/Joinville x Flamengo - SporTV (se necessário)
Quinta-feira (4/6)
19 horas - Flamengo x Ciser/Araldite/Univille/Joinville (se necessário)

Read More......

Artilheiro em jogo de 15 gols

Frede, artilheiro da Krona nesta quinta-feira

Pivo Frede ressaltou a garra e competencia da equipe da Krona para vencer outro adversário sul-americano - o
Coronel Escurra - por 10 a 5, com tres do cearense. “Jogamos concentrados e soubemos impor nosso ritmo. Os ataques constantes também foram determinantes para construirmos o resultado. O grupo todo está de parabéns”, destacou o goleador que marcou tres gols na partida. “Sou um jogador que cobro bastante das próprias atuações. Passei em branco nas duas primeiras partidas, mas com muito trabalho consegui fazer tres gols contra o Escurra e ajudar a Krona Futsal nesta classificação”, concluiu Frede feliz com o resultado.
A Krona Futsal disputou tres jogos neste Sul-americano de Clubes. Foram duas vitórias e um empate. A equipe marcou 17 gols e sofreu apenas seis. Com tres gols anotados, Frede, Murilo, Marcel e Thales são os artilheiros da Krona Futsal na competição.

Read More......

Krona vence, mas não sabe se é líder

Krona (camisa vermelha): diferença de cinco gols

Krona Futsal se classificou para a semifinal do Sul-americano de Clubes, que está sendo realizado em Jaraguá do Sul. A equipe joinvilense venceu o Coronel Escurra do Parguai, por 10 a 5, no final da tarde desta quinta-feira (28), na Arena Jaraguá. O resultado levou o time comandado por Paulinho Gambier à liderança isolada da chave B, com sete pontos e um saldo de onze gols positivo. O outro classificado do grupo é o Pinocho (Argentina), que pode tirar o primeiro lugar do tricolor ainda nesta quinta-feira. Para o time argentino garantir a primeira colocação, precisa bater o Penarol (Uruguai) por uma diferença de sete gols. Argentinos e uruguaios se enfrentam às 20 horas, na Arena Jaraguá. O confronto marca o encerramento da primeira fase da competição internacional.
O jogo
Com gols de Frede (3), Thales (2), Marcel, André, Márcio, Murilo e Guina, a Krona Futsal dominou o confronto desde o início. Sem dar chances para os paraguaios, o tricolor partiu para o ataque disposto a construir um ótimo resultado e carimbar o passaporte à próxima fase do Sul-americano. No segundo minuto de jogo, Frede abriu o placar para a Krona após completar boa jogada de Marcel, 1 a 0. O Escurra respondeu na sequencia, Baranha espalmou para escanteio. Aos quatro minutos, o ala Marcel recuperou a bola, invadiu a área e ampliou para a Krona, 2 a 0. O time paraguaio descontou aos seis minutos, através de Arambulo, 2 a 1. No ataque seguinte, o tricolor respondeu com outro tento, desta vez anotado por Murilo, 3 a 1. O jogo continuava sob controle da equipe brasileira e aos onze minutos, Thales deixou sua marca numa bela finalização de direita, 4 a 1. Restando 8min42s, Dario Herrera descontou para o Escurra, 4 a 2. Depois do gol, a Krona Futsal respondeu em grande estilo. Numa finalização de fora da área, Thales acertou o angulo para ampliar, 5 a 2. Antes do intervalo, os paraguaios fizeram o terceiro novamente com Herrera, 5 a 3.
O jogo ficou quente na segunda etapa. Logo no início, o ala Murilo recebeu o cartão vermelho. Aproveitando a vantagem de jogadores em quadra, os paraguaios fizeram o quarto e diminuíram a diferença, 5 a 4. Com o quinteto novamente postado, o tricolor fez 6 a 4, através do fixo André. O jogador completou passe cruzado de Vini para ampliar. Marcel e Frede ainda criaram duas oportunidades para Krona, antes de Guina colocar a bola no fundo das redes, 7 a 4.
Os paraguaios também tiveram um jogador expulso no segundo tempo, Adam Zorrila levou o vermelho. Restando tres minutos, Frede marcou o oitavo do tricolor no jogo, 8 a 4. Em cobrança de tiro-livre, Dario diminuiu a diferença mais uma vez para os paraguaios, 8 a 5. No último minuto a Krona Futsal foi avassaladora. Restando 40s, Frede fez o terceiro no jogo e o nono do tricolor, 9 a 5. Já no segundo final, Márcio decretou o placar do confronto: Krona Futsal 10 X 5 Coronel Escurra.
O tricolor atuou com Baranha, Junai, Murilo, Marcel e Frede. Entraram ainda Quinzinho, Thales, André, Guina, Bateria, Márcio e Vini.

Read More......

Mascote no último dia da exposição

Fotos de Shilton e Sobral na exposição

Nesta sexta-feira (29) é o último dia para visitar a exposição do Basquete de Joinville na praça de eventos do primeiro piso do Shopping Mueller. Depois de uma semana de sucesso, a mostra chega ao fim com uma atração especial. Cau, mascote da equipe Ciser/Araldite/Univille, vai estar no local, às 19 horas, para tirar fotos e interagir com o público.
A exposição atraiu a atenção de grande parte das cerca de 20 mil pessoas que passam todos os dias pelo Mueller. Além de conhecer a história recente do basquetebol joinvilense, por meio de fotos, troféus e camisas, a mostra reserva muita diversão. Das 14 às 22 horas, há dois videogames e material de pintura à disposição, atrações bastante disputadas pela garotada. Um dos dias mais movimentados foi na abertura, dia 22, quando os atletas do time estiveram no local.
A realização da mostra é da VO2 Marketing, em parceria com o Shopping Mueller e com apoio da Ciser, da Brascola (Araldite) e da Univille, patrocinadoras do time de basquete de Joinville.

Read More......

Areninha já

Jaraguá do Sul tem uma bela e ampla Arena e o público fica distante das promoções e eventos.
Em Joinville, a situação é bem diferente. Com eventos seguidos nesta temporada em tres modalidades - e tres locais diferentes e que não tem as mesmas condições de uma Arena Jaraguá.
O volei precisou ficar confinado ao amparo da SER Tigre, na Toca da Fera, para apenas mil lugares. O futsal foi buscar refúgio na Univille - a única quadra disponível na cidade com tamanho oficial para a modalidade (o Sesc recusou uma parceria). E agora o basquete levando um público contagiante para o Ginásio Ivan Rodrigues e com pouco espaço.
A Felej acena com a possibilidade do Centreventos Cau Hansen passar a ter um piso fixo de taco para abrigar todos estas modalidades. É pena que num local com espaço amplo é o público que não terá todas as condições para conferir os lances. O local pode receber até 4 mil pessoas, mas a visão é dificultada para o torcedor acompanhar as jogadas e lances.
A Areninha precisa sair do papel. A área apropriada para isso fica junto à Arena, na rua Inácio Bastos. O que falta são os recursos para as obras.

Read More......

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Público longe do Sul-americano

Krona faz aquecimento com ginásio vazio
Sul-americano de Clubes de Futsal demorou quase dois anos para acontecer. E mesmo reunindo dois clubes da região, o público de Jaraguá do Sul (local da competição) não está comparecendo na Arena Jaraguá. Os jaraguaenses, promotores da competição, colocaram à venda ingressos promocionais a R$ 5,00 na primeira fase e a imensa área está nos dois primeiros dias quase vazio.
A Arena Jaraguá, durante os dois dias de disputas, tem atraído apenas as pessoas envolvidas com os jogos - atletas, arbitragem, seguranças e prestadores de serviços. Nesta quarta-feira (27), quando a Krona enfrentou e Pinoche havia a chance de ouvir os gritos dos argentinos a cada lance de bola roubada ou jogada que os joinvilenses estavam sendo impedidos de chegar ao gol de Santiago Elias.
Nem mesmo com a realização da partida da Malwee os torcedores jaraguaenses se arriscaram para chegar ao local. Pouco mais de 400 torcedores foram ver o massacre contra o argentino Indepiendente.

Read More......

Empate com argentinos

Krona na apresentação para o jogo desta quarta-feira
Jogando na tarde desta quarta-feira (27), na Arena Jaraguá, a Krona Futsal empatou por 1 a 1 com o Pinocho (Argentina), pela segunda rodada do Sul-americano de Clubes. Com o resultado, a equipe de Joinville se manteve na liderança do grupo B, agora com quatro pontos, em dois jogos disputados.
A equipe argentina segue na segunda colocação, com o mesmo número de pontos e o saldo de gols inferior em relação ao tricolor (seis contra cinco). Nesta quinta-feira (28), o adversário da Krona Futsal será o Coronel Escurra, do Paraguai. A partida começa às 17 horas e terá transmissão ao vivo do canal SporTV.
Brasileiros e argentinos lutaram pela vitória do início ao fim do jogo. Digno de um clássico sul-americano, a partida começou com jogadas de efeito e uma forte marcação das equipes. No primeiro tempo, a Krona Futsal criou as melhores oportunidades. Aos cinco minutos, o pivo Frede finalizou para fora. Quando restavam 10min51s, novamente o jogador levou perigo à meta adversária, mas a bola bateu na trave. Os argentinos buscavam o jogo no contra-ataque e numa saída rápida, o ala Amas quase tirou o zero do placar.Antes do intervalo, Guina ainda desperdiçou uma oportunidade para o tricolor.
O confronto ficou mais aberto na segunda etapa. Aos tres minutos, Marcel quase marcou. Na sequencia, o time do Pinocho abriu o placar, através do jogador Amas, 1 a 0. Depois do gol, o técnico Paulinho Gambier promoveu a entrada de Thales como goleiro-linha. A mudança surtiu efeito. Após uma jogada individual, Frede rolou para o ala Murilo empatar, 1 a 1.
O jogo continuava aberto e na chance mais clara da partida, o time argentino desperdiçou um penalti, Amas cobrou para fora. A Krona Futsal tentou a virada até o fim, mas as finalizações não foram concretizadas em gol. Placar Final: Krona Futsal 1 x 1 Pinocho.
O técnico Paulinho Gambier comentou a atuação da equipe: “Não soubemos concretizar as chances em gols, principalmente no primeiro tempo. Enfrentamos uma equipe organizada e que veio com a proposta de explorar os contra-ataques. Precisamos ter tranquilidade na hora de finalizar”.
A Krona Futsal atuou com Baranha, André, Junai, Marcel e Frede. Entraram ainda Quinzinho, Thales, Murilo, Guina e Márcio.

Read More......

Folga por alguns instantes

Torcida joinvilense acompanha à distancia dois próximos jogos

Depois de uma folga na manhã desta quarta-feira (27), a Ciser/Araldite/Univille treinou das 17 às 18h30, no Ginásio Ivan Rodrigues. Nesta quinta-feira (28), os atletas saem do ginásio às 12h30, de onibus, para Curitiba, onde têm voo marcado para as 15h20 com destino ao Rio de Janeiro. A Ciser/Araldite/Univille volta a enfrentar o Flamengo na sexta-feira (29) e no sábado (30) - às 21h30-, pelas semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB). Na abertura da série melhor-de-cinco, terça-feira (26), em Joinville, os cariocas venceram por 88 a 86 e fizeram 1 a 0.

Read More......

Exemplo que vem do capitão

Shilton, com o filho Mathias no colo, observado pela esposa Giorgia, conversa com Edson Figueiredo

Primeiro a chegar no Ginásio Ivan Rodrigues, nos dias dos jogos da Ciser/Araldite/Univille, é o pivo Shilton. Vem sempre acompanhado da esposa Giorgia e do filho Mathias. É uma cena que acontece quase duas horas dos jogos. Dai para frente, Giorgia se acomoda com o filho na tribuna de honra, enquanto Shilton começa o trabalho de preparação para os jogos. É um sinal que - através do capitão - a equipe fica em sinal de alerta e ligado no jogo com bastante tempo de antecedencia.

Read More......

Torcida de todos os lugares

Dorval Schmitt atento a todos os lances
Quadra do Ginásio Ivan Rodrigues é o ponto de convergencia para acompanhar os lances e jogadas do basquete de Joinville. Na arquibancada, formando uma grande torcida, estão também pessoas que vem de longe e de todos os cantos para torcer pela Ciser/Araldite/Univille. Na lista destes torcedores intermunicipais está Dorval Schmitt, que deixa a aprazível Barra Velha no litoral norte catarinense para deixar seu grito de incentivo aos jogadores e comissão técnica. Dorval, por sinal, já comandou a estrutura do basquete de Joinville nas temporadas 1994/1995 e 1995/1996 quando a Dicas Propaganda agenciava a equipe da cidade - patrocinada na época pela empresa Akros.

Read More......

terça-feira, 26 de maio de 2009

Hora de mostrar a marca do basquete



Marcas da
Ciser
(à esquerda)
e Brascola
(à direita):
paredes
coloridas
de esporte
no Ginásio
Ivan Rodrigues
Campanha do basquete de Joinville nesta temporada é, sem dúvida, o melhor de todas as participações em competições nacionais desde o surgimento do campeonato promovido e organizado pela Confederação Brasileira de Basquete e agora passando para o Novo Basquete Brasil.
Para chegar a este nível, qualificando melhor a equipe e dando condições adequadas para os profissionais que atuam na equipe e os responsáveis pelos bastidores, é preciso que seja ressaltado o papel dos patrocinadores e apoiadores.
É neste momento que deve ser destacado as empresas Ciser e Brascola (fabricante da Araldite), junto também com a Univille. E foram as próprias empresas que deram este salto para ganhar o espaço na mídia na transmissão do jogo desta terça-feira (26). As marcas dos patrocinadores deram um colorido todo especial para as paredes atrás das tabelas - a Ciser à direita das cabines de imprensa e a Brascola à direita.

Read More......

Torcida de todos os esportes

Nadador Eduardo Fischer reforça a torcida do basquete
Milhares de pessoas que acompanham os jogos do basquete, no Ginásio Ivan Rodrigues, mostram uma versatilidade no aspecto esportivo. Afinal, é Joinville que está em quadra e representa a oportunidade de representantes de outros esportes estarem presentes. A natação também tem a sua representatividade com o nadador olímpico Eduardo Fischer. Ele não deixou escapar nenhuma das partidas em casa da Ciser/Araldite/Univille.

Read More......

Campeão pan-americano na arquibancada

Ary Vidal (sentado) e Flávio Moraes Rodrigues
Delegação flamenguista esteve nesta terça-feira (26) no Ginásio Ivan Rodrigues, em Joinville, com um integrante ilustre, mas que preferiu ficar no anonimato. Trata-se de Ary Vidal, técnico da histórica conquista do basquete brasileiro no Pan-americano de Indianápolis, em 1987.
Chegou calado e buscou refugiu na arquibancada. Foi convidado pelo ex-árbitro Flávio Moraes Rodrigues para ficar na tribuna de honra, mas preferiu ficar longe dos holofotes.
Ary Ventura Vidal (Rio de Janeiro, 28 de dezembro de 1935) é um treinador brasileiro de basquetebol.
O carioca Ary Vidal iniciou a carreira de treinador em 1959 no Tijuca Tenis Clube.
Como treinador seleção brasileira feminina de basquetebol, Ary Vidal dirigiu 11 jogos (oito vitórias e tres derrotas) em duas competições oficiais e pela masculina, foram 124 jogos (92 vitórias e 29 derrotas) em 16 competições.
Treinando a equipe masculina brasileira, derrotou a seleção dos Estados Unidos na final do Jogos Pan-americanos de 1987 em Indianápolis. Era o treinador da última participação da seleção masculina, nos Jogos Olímpicos de 1996 em Atlanta.
Afastado das quadras por problemas de saúde, em 2009 assumiu a direção de basquete do Flamengo. Publicou o livro "Basquetebol para vencedores" em 1991 pela Editora Rigel.

Read More......

Ainda é possível

Torcedores apostam na reação
Ciser/Araldite/Univille perdeu a primeira batalha das semifinais do Novo Basquete Brasil no confronto com o Flamengo. Na arquibancada do Ginásio Ivan Rodrigues, a torcida joinvilense deu a força ao time e mostrou com todas as letras que ainda é possível acreditar que esta série não está definida.

Read More......

Joinville perde primeira da semifinal

Shilton e Manteiguinha, destaques da equipe joinvilense
(Foto: Rogério Maciel/divulgação)

Numa partida emocionante e com casa cheia, a Ciser/Araldite/Univille jogou de igual para igual com o Flamengo e por pouco não iniciou com vitória a série melhor-de-cinco das semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB). Depois de 40 minutos de muito equilíbrio, os atuais campeões brasileiros venceram os catarinenses por 88 a 86, na noite desta terça-feira (26), no Ginásio Ivan Rodrigues, em Joinville.
Com boa marcação e tiros certeiros, o time da casa dominou a primeira metade do quarto inicial. O Joinville abriu 11 a 2. O Flamengo reagiu e virou no último minuto, fechando em 22 a 20. No segundo quarto, parecia que o rubro-negro iria disparar no marcador, mas os comandados de Alberto Bial logo se recuperaram e o período teve as duas equipes se alternando à frente no placar. No final, a Ciser/Araldite/Univille ganhou o quarto por 26 a 21 e terminou o primeiro tempo com três pontos a mais: 46 a 43.
Com excelente aproveitamento, o Joinville empolgou a torcida no terceiro quarto, quando abriu 12 pontos (59 a 47). Com cestas de tres de Marcelinho, os cariocas empataram (59 a 59). O jogo ficou equilibrado e o Flamengo acabou terminando o período na frente (64 a 62), após fazer 21 a 16 nos joinvilenses.
No último quarto, ainda mais emoção. O rubro-negro chegou a abrir oito pontos, mas a Ciser/Araldite/Univille buscou o empate, a oito segundos do fim. O Flamengo vencia por 86 a 83 e o pivo Tiagão marcou uma cesta de tres, para delírio dos mais de 2 mil torcedores. A quatro segundos do encerramento, a arbitragem marcou uma falta bastante contestada a favor dos visitantes. Marcelinho converteu os dois lances livres e fechou o placar. O ala foi o cestinha, com 32 pontos.
Pelo lado do Joinville, o ala Jefferson Sobral e o armador Manteiguinha marcaram 19 pontos e Tiagão fez 18. Outro destaque foi Shilton, com um duplo-duplo: 15 pontos e 15 rebotes. "Foi o jogo que todos esperavam, tanto nós quanto eles. Uma partida decidida apenas nos últimos segundos, quando contou mais os detalhes. O importante é que conseguimos jogar em igualdade contra um adversário forte, atual campeão nacional”, diz Shilton.
O técnico da Ciser/Araldite/Univille, Alberto Bial, observa que a vitória do Flamengo não pode abalar a equipe para o confronto de sexta-feira (29). "A série só termina quando um time vence tres jogos. Nem tudo está perdido.”
Agora, a Ciser/Araldite/Univille precisa vencer uma das duas próximas partidas no Rio (sexta-feira e sábado, às 21h30), para levar a série para o quarto confronto (às 19 horas da próxima segunda-feira), em Joinville.

Read More......

Cepe tenta reabilitação

No sábado (30), Joinville e Florianópolis se enfrentam às 19 horas no ginásio do Colégio Catarinense pela quarta rodada do Campeonato Catarinense de Basquete em Cadeira de Rodas 2009.
O Cepe/Raposas do Sul, time que representa Joinville, está em terceiro lugar na classificação do primeiro turno da competição. A equipe vem de uma derrota para OMDA/Unisul, e está treinando em um ritmo bastante forte para superar os erros da última partida.
“Estamos indo para este jogo com a seriedade e com a vontade de demonstrar
o melhor rendimento em quadra. A Aflodef possui uma equipe determinada e até o presente momento está em segundo lugar na colocação, atrás somente da OMDA devido a saldo de pontos”, afirma Alexandre Velho, atleta do Cepe.
“A equipe do Cepe/Raposas do Sul, tem concentrado esforços em melhorar seu ataque e maximizar sua defesa, buscando assim seu desempenho dentro das quadras”, afirma Ana Teixeira, técnica da equipe.
As duas equipes já se enfrentaram antes e o resultado foi um jogo disputado ponto a ponto, no qual o conjunto da equipe prevaleceu. No próximo sábado a torcida que comparecer ao Ginásio do Colégio Catarinense poderá assistir mais um espetáculo do esporte adaptado de Santa Catarina. A partida está marcada para às 19 horas. A entrada é gratuita.

Read More......

Esporte de São Chico

VESTIÁRIO
Carlos de Oliveira

Propostas da Liga
Nesta segunda-feira (25) foi definida a nova diretoria da Liga Francisquense de Futebol. O novo presidente eleito é Luiz Fernando de Oliveira Gomes, o Luizinho. A eleição foi feita pelos clubes, a partir do estatuto da entidade. E o novo comandante do futebol de São Chico, já lançou seu primeiro objetivo para a gestão. Já começaram os preparativos para a 1ª Taça São Francisco de Futebol de Campo. E vem mais por aí, como ele mesmo declarou. Muito esporte para todos.
Futsal
A Associação Desportiva Francisquense de Futsal amargou mais uma derrota. Jogando em casa no sábado (23), perdeu para a equipe Moitas/Proaço de Ituporanga por 2 a 1. Esta foi sua terceira derrota no Campeonato Catarinense de Futsal da Primeira Divisão. No próximo sábado (30), às 20h30, joga contra a equipe da FMD/Rio do Sul também em casa.
Surfe
Com performances alucinantes e crescentes a cada bateria, desde o início do campeonato, o catarinense Alejo Muniz sagrou-se campeão do Oakley Pro Junior para surfistas de até 20 anos. O evento foi encerrado no sábado (23) na praia da Atalaia, em Itajaí. O campeonato reuniu os melhores surfistas do país.
Rali náutico
Vai rolar neste sábado (30), aqui em São Chico, o Rali Náutico Ilha de São Francisco do Sul. O evento vai contar com a presença do campeão mundial de jet ski, Alessandro Lenzi. Quem também confirmou presença é o líder do rali de regularidade da Mitsubishi Motors, Théo Augusto Guardiano, que recentemente venceu em Balneário Camboriú. Mais de 20 embarcações de Santa Catarina e do Paraná confirmaram suas participações.

Read More......

Primeira vitória internacional

Krona dominou o jogo contra os uruguaios

Em jogo que marcou a estreia da equipe no Sul-americano de Clubes e também numa competição internacional, a Krona Futsal mostrou sua superioridade e venceu o Penarol do Uruguai, por 6 a 0. O confronto ocorreu na tarde desta terça-feira (26), na Arena Jaraguá, em Jaraguá do Sul, onde está sendo realizado o torneio. Os gols do jogo foram marcados por Marcel (2), Guina, André, Thales e Murilo. Nesta quarta-feira (27), os comandados de Paulinho Gambier voltam à quadra para enfrentar o Pinocho (Argentina). Brasileiros e argentinos duelam a partir das 16h30, com transmissão ao vivo do canal SporTV.
O jogo
Contando com o apoio de um grupo de torcedor que viajou de Joinville para incentivar o tricolor, a Krona Futsal partiu para cima e criou a primeira oportunidade aos dois minutos. Numa bela triangulação, o pivo Frede finalizou levando perigo à meta adversária. No lance seguinte, o ala Marcel foi o responsável pelo primeiro gol da Krona Futsal num torneio internacional. Aproveitando o rebote do goleiro Emiliano, o jogador chutou a bola para o fundo das redes, 1 a 0. A equipe brasileira mandava no jogo e aos quatro minutos, Frede quase ampliou. A bola explodiu na trave. O time uruguaio só levou perigo ao gol de Baranha quando faltavam oito minutos para o intervalo, o pivo Márcio salvou encima da linha.
No contra-ataque, Guina fez o segundo do tricolor, 2 a 0. O jogador recebeu bom passe de Vini para marcar. Antes de o cronômetro zerar, a Krona marcou mais dois através de André e Thales. 4 a 0, placar do primeiro tempo.
Mesmo em desvantagem no placar, o time do Penarol voltou para o segundo tempo marcando atrás da meia-quadra, mas de nada adiantou. Logo aos quatro minutos, Marcel tabelou com Frede e finalizou no angulo, golaço, 5 a 0.
Já o sexto gol saiu dos pés do ala Murilo. Com 6 a 0 no placar, a Krona Futsal cadenciou o jogo na segunda etapa e assegurou os três primeiros pontos na competição. Krona Futsal (Brasil) 6 x 0 Penarol (Uruguai).
O tricolor jogou com Baranha, André, Junai, Marcel e Frede. Entraram ainda Quinzinho, Murilo, Thales, Guina, Serginho, Márcio e Vini.
Para o técnico Paulinho Gambier, o importante foi a vitória. “Largamos bem na competição e conquistamos os tres pontos. Não podemos nos empolgar com o resultado porque o jogo desta quarta-feira será bem mais difícil”, analisou.

Read More......